Conflito dissimulado

Quando uma pessoa está em estado de conflito consigo mesma, ela inevitavelmente cria conflitos fora de si (Jiddu Krishnamurti).

Tenho uma amiga que tem um “namorido”  há quase uma década, quando ela o conheceu ele era casado. Porém, acredito que ele não se separou da mulher, ela pode até ter viajado e dado um tempo, mas continua com ele.

Sempre digo pra minha amiga, isso é “familião”, você é a número dois, ela diz: Claro que não,  isso não existe, ele não está com a ex -mulher, que nunca deixou de ser ex.  No entanto, aparece macumba na porta da casa dela, já apareceu uma cobra imensa, a sorte é que ele estava lá e conseguiu matar a cobra, já pensou?

Ela percebe que existe algo de estranho, já conversamos sobre isso várias vezes, ela só não entende o que é. Mas, ao invés dela ter uma conversa franca com ele, falar sobre as suas inseguranças, abrir o coração. Ela fica usando de subterfúgio, implica com ele por bobeira, arruma briga á toa o manda embora.

Acontece que essa postura é muito comum, todo mundo já conviveu com alguém que não verbaliza o que ela tem contra você, qual é a divergência? E nesse caso é difícil  porque o conflito é dissimulado, e como resolver o problema desta forma? Afinal de contas,  quando o conflito é verbalizado a gente pode tentar resolver.

Anotações Finais  👩🏿‍🎓Tenho tentado tomar decisões baseada na técnica do racionalismo Weberiano, ou seja, é preciso  primeiro identificar qual a decisão a ser tomada, qual o problema? Depois eu preciso saber a origem do problema? Depois que eu já identifiquei a origem e sei qual é o problema? Estou pronta pra resolver o problema,é aí que tá , quantas vezes, nas nossas  vidas  a gente já acreditou que havia resolvido o problema e seguiu a vida achando que o problema já estava resolvido e quando a gente menos espera tá o problema  te mandando mensagem, te procurando, a gente precisa da quarta etapa decisória que é a busca pela não recorrência, é buscar tomar decisões para o problema não voltar.

Complementando👀Se você observar o comportamento de outra pessoa, em relação a você, como um reflexo do relacionamento que ela tem com ela mesma, com o passar do tempo, você deixará de reagir (Yogi Bhajan).

Macete📣 Você deve chegar a um ponto onde o seu humor não muda com base nas ações de outra pessoa. Não deixe que a falta de paz de ninguém tire a sua tranquilidade.

Dica🤐 Caso a suas palavras queira ofender alguém, fique em silêncio.

 

👉🏿👉🏿https://www.psamoleitura.com/2019/06/resenha-a-bailarina-de-auschwitz.html


Descubra mais sobre Crônicas, reflexões e pensamentos

Subscribe to get the latest posts sent to your email.

3 pensou em “Conflito dissimulado

  1. Thank you for every other wonderful article. The place else could anybody get that kind of info in such an ideal approach of writing? I’ve a presentation subsequent week, and I’m at the look for such info.

Obrigado pelo contato :)